Brasileiro cria sistema eletrônico de comunicação entre motoristas para evitar acidentes e tornar clima amistoso no trânsito

Produto tem usabilidade muito mais simples do que smartphones, mais acessível ao grande público e de baixo custo, se comparado com redes veiculares em desenvolvimento

Quantas vezes você já não passou por alguma estrada e recebeu um piscar de faróis do motorista que vinha em sentido contrário, fazendo gestos loucamente, sem entender nada do que ele realmente queria te dizer? E quantas vezes o sinal de internet estava tão ruim que você não conseguiu usar seus aplicativos de trânsito? E quantas vezes enviar uma mensagem por meio do aplicativo de trânsito se tornou mais um martírio do que solução – por causa da complicação até enviar a mensagem, ou digitar alguma outra mais específica enquanto se dirige?

Para ajudar nessas situações e diminuir acidentes causados por problemas no trânsito e nos veículos, o inventor Paulo Gannam desenvolveu o “Sistema de Cooperação no Trânsito. É um sistema eletrônico de comunicação instantânea que alerta, com frases pré-gravadas bem curtinhas, qualquer problema identificável num veículo.

A comunicação é feita pelos usuários de outro veículo que disponha do aparelho. O inventor informa ter desenvolvido nova forma de também interligar a comunicação dos que tem o Comunicador com os que não tem por meio de um APP! Exemplos: “luz de freio queimada”, “pneu murcho”, “luz de ré queimada”, “porta entreaberta”, “pessoa doente no carro”, “farol alto”, “desculpe”, “obrigado” e assim por diante.

20161019_114131

O dispositivo também facilita o rápido intercâmbio de informações entre motoristas, que poderão alertar uns aos outros sobre problemas identificados nas rodovias, como acidentes e animais à frente, incêndios, neblina, etc.

“Este sistema difere do que existe na Europa (disponível neste link: (http://www.autoroutes.fr/fr/radios-fm-1077.htm)”, explica o inventor mineiro, “pois permite que motoristas sejam membros ativos no envio de mensagens uns aos outros, uma vez que o leque de situações que demandam troca de informações não pode depender somente de uma comunicação vertical – órgãos governamentais para motoristas”.

O objetivo de Paulo, que já tem um PMV para demonstração, é tornar sua invenção uma rede social das estradas, por meio de algo com hardware e software novos e combinados, e não apenas por meio de um aplicativo para celulares dotados de GPS, conforme vem sendo utilizado e que, pelas características dos atuais APP’s,  pode estar gerando acidentes.

Dispositivos que enviam informações pré-definidas já são tendência. Veja o caso desse produto, lançado pela Amazon nos EUA: http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2015/03/amazon-cria-botao-que-compra-cafe-ou-pasta-de-dente-instantaneamente.html.”

Este sistema evitará acidentes importantes e ajudará a criar um clima amistoso e de cooperação. Cada mensagem contará com uma numeração ou imagem associativa, identificada no painel do carro por meio de botões que, acionados, ativam a mensagem exata que se deseja enviar ao receptor, não tirando a atenção do motorista por ser de fácil e ágil manuseio.

“Para a finalidade de comunicação entre motoristas no trânsito, é imperativo praticidade e facilidade no acesso e envio das mensagens e esse aparelho vai atender a essa demanda, diferentemente de aplicativos usados separadamente, cada qual com sua função, dentro de outro aparelho cheio de funções, como o smartphone”,  avalia o inventor.

Quando questionado sobre redes veiculares em desenvolvimento, e carros autônomos, o inventor esclarece: “Se carros autônomos são o futuro, este projeto é o presente! Sua implementação comercial é mais fácil, acessível ao grande público, e com baixo custo de fabricação – 20 dólares em larga escala!”  

E compara: “Quando meu carro pode conversar com seu carro, e o seu carro pode conversar com um terceiro carro, todos vão ser capazes de substituir o excesso de dados compartilhados por meio da única coisa que os robôs não possuem: a intuição”.

Outra vantagem do invento: possibilitará a troca de informações instantâneas entre polícia, corpo de bombeiros e demais instituições governamentais ligadas de algum modo ao trânsito, de maneira a facilitar, também, a troca de informações importantes entre cidadãos e instituições do governo acerca de acidentes – inclusive por meio de campanhas de educação no trânsito.

Gannam mostra seu primeiro protótipo do comunicador entre motoristasIMG_3194 Sem Títuhhtlo-1 Sem Título-1

Flat 3d isometric high quality city transport icon set. Car van bus helicopter bicycle scooter motorbike and riders. Build your own world web infographic collection.

 

“Imagine um cenário em que ciclistas poderão conversar entre si, motoristas poderão conversar entre si, e motociclistas idem. Agora inverta a ordem a um ponto em que todos poderão se comunicar com todos no trânsito, de modo simple e muito mais seguro que smarthphones”, avalia.

Aqui você encontra 2 vídeos bem legais em que o inventor fala de seu produto e mostra o PMV em funcionamento em dois tipos de situação:

https://www.youtube.com/watch?v=kD_BZj50zv0&feature=youtu.be

https://www.youtube.com/watch?v=EC_0uHUkCT4&feature=youtu.be

 

Entrevista dada a programa de TV brasileiro, para explicar as principais diferenças entre o Sistema Gannam e os demais aplicativos de trânsito usados separadamente. 

https://www.youtube.com/watch?v=zIYj1axzZgg

Parceria – Paulo está em busca de parceiros. Com patente requerida em todo território brasileiro, o inventor busca obter parceria entre empresas do setor automotivo, de tecnologia, telemetria e telecomunicações, para verificar viabilidades e lançar o produto no mercado.

Quem tiver interesse em conhecer melhor o produto e suas outras aplicações devem entrar em contato com

Tel.: (35) 9 8404 4124

Emailpgannam@yahoo.com.br

Linkedin: https://www.linkedin.com/pub/paulo-gannam/51/1b0/89b

Facebook: https://www.facebook.com/paulogannam.inventionsseekinvestors

Google+: https://plus.google.com/+PauloGannaminven%C3%A7%C3%B5es

Skype: Paulo.gannam

Twitter: https://twitter.com/paulogannam

Para investidores

* Mesmo quem não tenha o Comunicador instalado no carro vai poder fazer parte desta comunicação entre motoristas recebendo e enviando mensagens para o Comunicador de terceiros através de um mecanismo que terminamos de de desenvolver via APP em fase de prova de conceito. Esta foi a forma que encontramos de aumentar as chances de escalabilidade do conceito inventivo do produto (hard to hard e/ou soft to hard). Assim, aumentam-se as chances para se atingir no modelo de negócio usuários e não usuários de aplicativos de trânsito.

* Possibilidade de embarcar o conceito inventivo do produto em aparelhos já existentes, como centrais multimídia, para se adequar ao formato atual dos painéis dos veículos etc.

* Possíveis aplicações em outros mercados (que demandam aumento da agilidade e comodidade da comunicação)… Esticou o braço-dedo e bingo! mensagem pré-gravada enviada.

*Custo estimado de fabricação em larga escala na China: 20 dólares (só do hard na forma do protótipo de hoje, sujeito a adaptações para baratear, considerando não estar embarcado numa central multimídia).

Anúncios

8 Respostas para “Brasileiro cria sistema eletrônico de comunicação entre motoristas para evitar acidentes e tornar clima amistoso no trânsito

  1. Começar com um app para smartphones é fundamental para esse projeto. Afinal é um hdw que quase todo mundo tem e os primeiros compradores do Comunicador terão com quem trocar mensagens. Em algum momento a infraestrutura das estradas começará a transmitir informações para os usuários. No início, só os novos veículos virão com algum equipamento desse tipo embarcado. O proprietários dos demais terão que adquirir o produto no mercado. A indústria automobilística está apostando suas fichas nos carros conectados. Os autônomos (full) virão em seguida!

    Curtir

  2. Seria útil se tal dispositivo fosse integrado a parte mecânica do carro com comandos para diminuir a velocidade numa situação como por exemplo sinal fechado ou acidente na pista.

    Curtir

  3. Pingback: BRASILEIRO CRIA SISTEMA PARA EVITAR ACIDENTES E TORNAR CLIMA AMISTOSO NO TRÂNSITO – Portal Sociedade·

  4. Pingback: “Mais da metade dos pedidos de patente protocolados em 2017 foram feitos por pessoas físicas no Brasil” | Jornal Joseense News·

  5. Pingback: Entrevista com Paulo Gannam, inventor brasileiro - Entrementes·

  6. Pingback: BRASILEIRO CRIA SISTEMA ELETRÔNICO DE COMUNICAÇÃO·

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s